Um paradoxo

Quer dizer, uma coluna na Paradoxo. Após duas semanas de férias forçadas – sem um computador decente em mãos, pra ser mais exato – a coluna Ópio no Café está de volta.

Não sei se já comentei como coloquei esse nome na coluna. Nem sei se alguém tem curiosidade de saber porquê, mas falo assim mesmo. Eu estava à procura de um nome, fiz uma lista enome, mas não gostava mesmo de nenhum. Pedi ajuda ao Mark, a cabeça por trás da revista, e mesmo assim não chegamos a nenhum consenso.

Até que, uma certa hora, resolvi apelar. Pensei, “vou abrir um livro em uma página qualquer e pegar a primeira frase para fazer dela o nome do espaço”. Catei no quarto o meu velho exemplar (e um dos meus livros predileto) de “Cem Anos de Solidão” e abri em uma parte onde a primeira frase era “uma dose de ópio no café”. Fiquei maravilhado, aquilo era exatamente o que eu queria, só não sabia disso ainda.

Infelizmente, por conta do tamanho, tive que reduzir para “Ópio no Café”. Mas mesmo assim ficou um nome diferente, com algum significado oculto, e bastante sonoro. Agora vai lá ler a coluna que tem um texto inédito. Se quiser fazer algum comentarário, saiba que ele será bem-vindo. =)

Anúncios

2 comentários sobre “Um paradoxo

  1. Ué, gente!

    Meu livro deve ser pirata! Não lembro de ter lido isso nele. O.O
    Mas é mais provável que esteja escrito lá, e eu passei batida..=/
    Deve ser de momententos inspiradores, assim, que se abastecem os bons escritores, não?
    Beijo.

  2. Ahá! Quer dizer que foi assim!?
    E você veio cheio de conceituações e teorizações para defender seu nome… e foi só uma roleta russa literária, entao!?

    Hehehe to brincando ;¬]

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s